Ir para o menu| Ir para Conteúdo| Acessibilidade Alternar Contraste | Maior Constraste| Menor Contraste

NOTA DE ESCLARECIMENTO 11 - DESASTRE BARRAGEM B1

PDFImprimirE-mail

COMUNICADO À POPULAÇÃO

 

Em consonância com o Comunicado à Imprensa divulgado pelas Secretarias de Estado de Saúde (SES), de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD); e de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SEAPA), baseado no monitoramento de qualidade de água BRUTA realizada pelo Governo de Minas no rio Paraopeba, após o rompimento da barragem B1 (mina do Feijão em Brumadinho) informamos:

 

- Mantêm-se a orientação de não se utilizar a água bruta do rio para qualquer finalidade. As populações ribeirinhas e moradores da zona rural que realizam a captação desse corpo hídrico serão identificados. Por segurança, imediatamente receberão água potável fornecida pela Vale, envasada ou por meio de caminhões pipa.

 

- Não houve comprometimento do abastecimento de água tratada para os municípios que margeiam o Rio Paraopeba: Brumadinho, Mario Campos, São Joaquim de Bicas, Igarapé, Betim, Juatuba, Florestal, Esmeraldas e Pará de Minas.

 

- O monitoramento de qualidade da água é diário e, portanto, novas análises subsidiarão qualquer medida complementar ou reavaliação desta recomendação.

SEMAD|

Rodovia João Paulo II, 4143, Bairro Serra Verde - CEP 31630-900
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades