Ir para o menu| Ir para Conteúdo| Acessibilidade Alternar Contraste | Maior Constraste| Menor Contraste

Fórum discute consumo consciente e apresenta novo Programa AmbientAÇÃO

PDFImprimirE-mail

Foto: Edwaldo Cabidelli

FIA-DENTRO

Cerca de 100 pessoas participaram do evento realizado no Auditório JK, na Cidade Administrativa. 

 

O Programa AmbientAÇÃO, iniciativa da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) que promove ações de educação ambiental, consumo consciente e gestão de resíduos junto aos servidores públicos do Estado, realizou nesta terça-feira (3/12) o 11º FIA - Fórum Interinstitucional AmbientAÇÃO: “Construindo Rotas e Redes Sustentáveis em Minas Gerais”. O evento aconteceu no Auditório Juscelino Kubitscheck (JK), na Cidade Administrativa, e teve como objetivo apresentar o novo formato do programa, que passou por reformulação visual e administrativa no último ano, expandindo sua atuação ao Poder Judiciário, além de empresas e escolas.

 

Na programação, palestras e debate abordando temas ligados ao universo de atuação do programa, como inclusão social de catadores de material reciclado e gestão ambiental. A nova logo do programa; o mascote “Bileco”, redesenhado pela ilustradora Silvia Aroeira; e a proposta de reestruturação do Sistema Integrado de Gestão AmbientAÇÃO (Siga), ferramenta de monitoramento que reúne informações referentes ao programa nas instituições onde está implantado, foram também apresentados oficialmente durante o evento.

 

O subsecretário de Gestão Ambiental e Saneamento da Semad, Rodrigo Franco, representou o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Germano Vieira, na abertura do evento e destacou os novos desafios decorrentes da reformulação do Programa AmbientAÇÃO. “As recentes mudanças vieram para ampliar o raio de atuação do programa. Mais do que uma política pública interna, pretendemos desenvolver uma verdadeira cultura de responsabilidade e compromisso com a sustentabilidade entre os servidores públicos e demais envolvidos em nossas ações”, ressaltou.

 

De acordo com a analista ambiental, Fabiana Costa, responsável pelo Programa AmbientAÇÃO, o novo formato prevê ainda a oferta de uma plataforma de educação à distância, na qual serão apresentados tutoriais, manuais, guias, vídeos e treinamentos às instituições interessadas em implementar o programa. Cursos presenciais serão ministrados sob demanda e com frequência previamente estabelecida abordando ações específicas.

 

A analista explica ainda que o programa seguirá um novo fluxo de trabalho a partir da formação de comissões setoriais, que são grupos definidos para administrar o AmbientAÇÃO internamente em cada instituição. “As comissões irão realizar o cadastro no Siga, escolhendo, entre as opções oferecidas, as ações e projetos que pretendem implantar. Os responsáveis deverão também registrar os índices anteriores e resultados posteriores às ações desenvolvidas para análise e classificação por parte da administração do programa”, frisou.

 

Ação solidária

 
Foto: Edwaldo Cabidelli

FIA-dentro-III

Parceria entre AmbientAÇÃO e Campanha "Lacre do Bem" promoveu a doação de cinco cadeiras de rodas durante o evento. 

 

Durante a abertura do evento, foram também entregues cinco cadeiras de rodas a instituições sem fins lucrativos e pessoas com mobilidade reduzida, obtidas a partir da venda de lacres de latas de alumínio coletadas nos prédios públicos do governo estadual.

As doações são resultado de uma parceria firmada entre o AmbientAÇÃO e a campanha “Lacre do Bem”, associação sem fins lucrativos que promove ações de inclusão de pessoas com deficiência por meio da doação de cadeiras de rodas.

 

Segundo Ivete Macedo, mãe da idealizadora do projeto, Júlia Macedo, e uma das responsáveis pela associação, a parceria com o Programa AmbientAÇÃO contribuiu significativamente para o aumento dos lacres obtidos pela campanha. “Recebemos uma quantidade enorme de lacres enviados pelo AmbientAÇÃO e já realizamos 15 doações de cadeiras de rodas a partir desta parceria”, destacou.

 

Para Vanessa Marcelino, que recebeu uma das cadeiras de rodas doadas durante a abertura do Fórum, a iniciativa é louvável por oferecer melhores condições de vida a pessoas que normalmente não teriam condições de arcar com os custos pela aquisição de equipamentos de mobilidade. “Tenho uma irmã paraplégica há dez anos que precisava muito de uma nova cadeira de rodas e graças a esta doação agora ela terá” disse.

 

Programa AmbientAÇÃO

 

O AmbientAÇÃO é um programa de gestão e educação ambiental criado em 2003 com o objetivo de promover a sensibilização para a mudança de comportamento e a internalização de atitudes sustentáveis no cotidiano dos servidores públicos estaduais. Em seus 16 anos de atuação, o programa chegou a alcançar 94 instituições localizadas em 50 prédios públicos, contemplando aproximadamente 30 mil servidores.

 

Inicialmente vinculado à Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), o programa passou a integrar a Diretoria de Educação Ambiental e Relações Institucionais (Deari), vinculada à Subsecretaria de Gestão Ambiental e Saneamento (Suges) da Semad após a recente aprovação da reforma administrativa nos órgãos do Estado. 

 

Edwaldo Cabidelli

Ascom/Sisema

SEMAD|

Rodovia João Paulo II, 4143, Bairro Serra Verde - CEP 31630-900
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades