Ir para o menu| Ir para Conteúdo| Acessibilidade Alternar Contraste | Maior Constraste| Menor Contraste

Usiminas e UFV conquistam Prêmio de Boas Práticas Ambientais do Sisema

PDFImprimirE-mail

 

Fotos: Emerson Gomes

Premiados Boas Práticas Dentro

Na primeira fase de entrega do Prêmio foram premiados um Programa da UFV e um da Usiminas

 

Minas Gerais conheceu nesta segunda-feira, 23 de setembro, os dois primeiros vencedores do 3º Prêmio de Boas Práticas Ambientais. Projetos da Usiminas e da Universidade Federal de Viçosa (UFV) conquistaram, respectivamente, as categorias Instituição Privada e Órgão Público da premiação oferecida pelo Governo de Minas que, em 2019, teve como tema os resíduos e formas de reuso de rejeitos. O objetivo é divulgar modelos de reutilização que vem sendo empregados nas esferas pública e privada.

 

A entrega dos prêmios na Categoria Indústria aconteceu na 33ª Reunião Ordinária da Câmara de Atividades Industriais (CID) do Conselho Estadual de Política Ambiental (Copam). O prêmio é oferecido pela Secretaria de Estado e Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e homenageia projetos em andamento ou já executados.
 
Autor do projeto vencedor na categoria Órgão Público, Gabriel Henrique Soares Almeida é aluno da UFV e criou um modelo para reaproveitamento dos rejeitos de madeira provenientes das atividades de carpintaria e marcenaria da universidade. “A indústria moveleira, tradicionalmente, tem alta geração de resíduos”, observou.
 
O trabalho de Almeida utiliza rejeitos como cavacos, serragem e maravalha em diversas aplicações dentro da própria UFV. “Os usos possíveis são em compostagem, artesanato e fertilizantes, em áreas como bovinocultura e caprinocultura”, afirma. O trabalho, segundo Gabriel Almeida, teve início com o levantamento das formas de geração dos resíduos e incluiu a sensibilização dos funcionários. “No futuro, queremos incluir o reaproveitamento energético, calculando emissões atmosféricas e de cinzas”, explicou.
 
Água
 
Já o programa da Usiminas foi o vencedor na categoria Iniciativa Privada, com um trabalho que fornece resíduos da indústria para pavimentação de estradas rurais e distribui mourões para cercamento de nascentes. O programa tem um link direto com a produção de água e já tem a participação de 54 municípios do Vale do Aço, tendo recuperado cerca de 4 mil nascentes. Para isso, foram distribuídos 259 mil mourões e 250 mil mudas aos participantes.
 
Um dos resultados mais importantes do Programa reflete-se na quantidade de água captada pela empresa. A capacidade outorgada é de 14 mil litros por segundo e as nascentes recuperadas já têm uma vazão de 19 mil litros por segundo.
 
Em 2020, o programa será ampliado para 80 municípios. O diretor de Engenharia Industrial da Usiminas, Girleno Antonio de Oliveira, disse que os projetos sustentáveis fazem parte do DNA da empresa e que é uma honra receber a premiação. “A produção de água é uma forma de redução de custos”, explicou.
 
Prêmio
 
Além das iniciativas de sucesso na indústria, a Semad também homenageará as Boas Práticas Ambientais de projetos de resíduos sólidos agropecuários, e minerários no Estado de Minas Gerais. As premiações acontecem nos dias 26 e 27 de setembro, respectivamente nas reuniões das Câmaras de Atividades Agrossilvipastoris e de Atividades Minerárias do Copam.
 
A iniciativa visa reconhecer, incentivar e divulgar boas práticas ou projetos de gestão ambientalmente adequada dos resíduos sólidos agropecuários, industriais e minerários no Estado de Minas Gerais. Neste ano, o tema é “Menos Resíduo, Mais Sustentabilidade”.
 
Os vencedores receberão o carimbo das Boas Práticas Ambientais que a Semad concede e poderá ser aplicado nas publicações e produtos relacionados ao desenvolvimento das ações de boas práticas ambientais. Também serão oferecidas viagens a Parques Estaduais como o Itacolomi, em Ouro Preto, o Ibitipoca, em Lima Duarte, na Zona da Mata, e Rio Preto, em São Gonçalo do Rio Preto.

 

Emerson Gomes
Ascom/Sisema

SEMAD|

Rodovia João Paulo II, 4143, Bairro Serra Verde - CEP 31630-900
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades